Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sal e Pimenta

Não é um blog de culinária...

Sal e Pimenta

Não é um blog de culinária...

O que não dizer a quem tem cancro

Olá a todo(a)s

 

Hoje venho falar aos amigos e familiares de doentes oncológicos

 

O papel dos familiares e amigos é fundamental, mas em alguns casos não o fazem da melhor maneira, mesmo pensando que estão a ajudar.

 

Evitem os seguintes comentários: 

 

Isso não custa nada. Eu falei com este e aquele e não custa nada. - A pessoa pode falar em nome próprio se passou pelo mesmo e quando muito dizer, por acaso a mim essa parte não me custou muito. Como já disse, cada caso é um caso. E só quem passa pelas situações é que sabe.

 

Isso hoje em dia cura-se tudo - A sério, então porque morrem algumas pessoas. Não relativize ou desvalorize a doença do outro, especialmente quando é cancro. 

 

Não te preocupes, vai tudo correr bem - Não diga, tem uma bola de cristal?

 

Para quem está a fazer quimioterapia não pergunte se já começou a cair o cabelo, aliás não pergunte nada sobre os sintomas, deixe que seja a pessoa a falar.

 

Não dê palpites do que ela deve ou não fazer, só porque alguém lhe contou ou leu na Internet. Para isso servem os profissionais de saúde.

 

Não compare com outras pessoas que tiveram cancro, porque cada cancro é único. 

 

Não pergunte se precisa de ajuda. Simplesmente ajude. Leve comida a casa no pós operatório, faça visitas, mas não espere que a pessoa aceite ajude se perguntar antes. A pessoa não quer incomodar ninguém.

 

Devias fazer isto ou aquilo, tens que sair, tens que trabalhar, tens... Não diga isto, porque cada um sabe como se sente estes palpites por vezes funcionam de forma inversa em algumas pessoas, pois sentem-se ainda mais pressionadas.

 

Para finalizar fale menos e aja mais. Como disse anteriormente, leve comida à pessoa, faça vistas e companhia, tentando falar de outros assuntos que não o cancro. Fale com outros elementos da família e amigos e tentem fazer companhia à vez. Tente não falar de cancro, deixe que a pessoa fale. Envie mensagens, vídeos divertidas durante o dia. Aliás faça tudo o que possa distrair a pessoa que está doente.

 

Dê mais amor e menos palpites

heart-1192662_1920.jpg

 

 

E se gostou e não quiser perder pitada de Sal e Pimenta desta vida subscreva por email.

 

bestesellers-billboard

11 comentários

Comentar post