Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Sal & Pimenta

Não é um blog de culinária, mas pode ser se o aplicarmos à nossa vida, ao nosso quotidiano e ao que nos rodeia.

Sal & Pimenta

Não é um blog de culinária, mas pode ser se o aplicarmos à nossa vida, ao nosso quotidiano e ao que nos rodeia.

Foi há 18 anos

11.09.19

Foi há 18 anos, nesta hora, 8:38 horas locais, 13:38 em portugal, que o mundo parou. Lembro-me tão bem desse dia, estava a acabar de almoçar, a levantar a mesa, com um prato louça na mão, para levar para a cozinha, quando vejo na televisão, uma noticia de ultima hora: Um avião embate contra uma das Torres Gémeas. A louça já não foi para a cozinha, ficou ali mesmo em cima da mesa...o resto do dia.

Fui para a frente da televisão, e de lá não saí o resto da tarde. Era impossível de acreditar, era surreal, tudo o que estava a acontecer.

Fiquei estupefacta a olhar para aquele cenário, de uma torre a arder e sem ninguém ainda saber o que tinha acontecido, e então o inesperado acontece, vejo em directo outro avião a entrar a toda a velocidade na outra torre gémea. Nesse momento percebi, que algo de muito errado estava a acontecer. Os meus olhos não queriam acreditar no que estavam a ver, o meu coração acelerou e o meu cérebro não estava a conseguir processar tudo aquilo.

Quando me apercebo que as pessoas estavam encurraladas, e quando muitas começam a saltar daqueles altos edifícios para a morte menos indolor, não consegui conter as lágrimas. Era um verdadeiro horror. E eu, estava ali em frente à televisão, sem entender como era possível, alguém ter feito aquilo.

Depois outro avião caí no Pentágono, e nesse momento, eu tive a certeza que era algo demasiado grande e que a partir daquele dia o mundo iria mudar para sempre.

Mas o mais inacreditável, ainda não tinha acontecido, o colapso de uma torre, e depois a outra. Tudo em directo, tudo a acontecer naquela hora. Parecia um filme, mas eu sabia que não era ficção. Eu sabia que era real, que milhares de pessoas estavam a morrer em frente aos meus olhos, e eu, estava ali sentada sem nada puder fazer.

Jamais irei esquecer esse dia de sol como o de hoje.  

Paz a todos os inocentes que morreram nesse dia, e às suas famílias.

ground-zero-377323_1920.jpg

 

6 comentários

Comentar post